Seminário Aberto com pós-doutorandos do ILC

ILCML

Dia 24 de Maio, sexta-feira, terá lugar na sala 409, pelas 15h um Seminário Aberto.

A Prof.ª Dr.ª Liliane Corrêa falará sobre “O Egipto entre Eça de Queiroz e Dom Pedro II” e o Prof. Dr. Maged Elgebaly abordará “O Estudo Comparado entre o ‘O Egipto’ de Eça de Queiroz e ‘Tahrir’ de Alexandra Lucas Coelho”.

O evento terá a moderação do Prof. Dr. Jorge Alves do Mestrado em História Contemporânea.
ILCML

Utopias Queer: 50 Anos de Stonewall

ILCML

Neste momento é importante refletir sobre Utopias possíveis e valorizar a legitimação das transformações necessárias para que aconteçam mudanças radicais na sociedade. Desde os Stonewall Riots em 1969 a comunidade LGBTQ+ tem vindo a consolidar-se e a ganhar relevância, reivindicando espaços de liberdade para pensar as identidades sexuais. O evento Utopias Queer pretende, pois, refletir criticamente sobre os sucessos e desafios dos últimos 50 anos no que diz respeito às sexualidades e especular sobre o futuro, recorrendo à noção de utopia como tema central.

Os movimentos sociais e os estudos académicos em torno do feminismo, das questões LGBT e da Teoria Queer mudaram radicalmente o panorama crítico nas últimas décadas. Mas mais do que segmentar estas lutas, importará encontrar alianças entre os vários grupos oprimidos no sentido de questionar como a “vida ideal” normativa é exclusiva apenas a alguns e produtora de desigualdades. Assim como a Utopia, o queer não é um manual de instruções, mas sim uma forma subversiva de (des)construção que provoca a vontade de mudança. Estas utopias permitem a qualquer um explorar todas as suas potencialidades livres da lógica binária sobre sexo, género, sexualidade, raça, idade ou classe social. Estas utopias são queer e não toleram a diferença, mas celebram a diferença. Porque todas as vidas importam, o nosso objetivo final é exatamente criar os espaços utópicos onde os sonhos e desejos de toda a humanidade possam florescer, e para que venham um dia a ser concretizados.

ILCML

Spring Seminar: On Cinema

ILCML

Nos próximos dias 23 e 24 de Maio, na Universidade Católica Portuguesa, terá lugar um seminário que pretende discutir as várias formas de experiência e produção do Cinema.

O programa pode ser consultado aqui:
On Cinema – Spring Seminar – Program

 

Conferência do investigador do ILC na Universidade de Dublin

ILCML

João Paulo Guimarães, investigador do Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa, dará uma conferência, no dia 13 de Maio, na Universidade de Dublin, intitulada “Old Age Oddities: Polymaths and Late Bloomers”.

The talk will open with a discussion of a set of poems from Lyn Hejinian’s The Unfollowing, which puts a positive spin on the association of old age with childhood. a trope that is often deployed to infantilize and disenfranchize older people. By contrast, Hejinian uses it to highlight life’s openness and contigency. Taking a cue from the poet, we will mobilize the notion of “the old child” to explore questions like: do we get less creative as we age? Are we born with certain talents and/or do we keep acquiring and developing them later in life? What obstacles get in the way of the expression of our multiple valences as we get older? We will survey the latest research on the epigenetic development of giftedness across the life span, dwell on the lives of exemplary polymaths and late bloomers and discuss how these matters relate to the topics of labor division, meritocracy and leisure.

Colóquio Metalepse e Transmedialidade | Entrevistas

ILCML

Liliane Louvel é professora na Universidade de Poitiers e Presidente do IAWIS/AIERTI – International Association of World and Image Studies.

Daniel Ribas é professor auxiliar de cinema na Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa e membro da direção do CITAR. No Colóquio Metalepse e Transmedialidade falou sobre a “Hibridez no Cinema Contemporâneo”.

Isabel Cristina Rodrigues é professora do Departamento de Línguas e Culturas da Universidade de Aveiro. No Colóquio Metalepse e Transmedialidade abordou a “metalepse e contaminação ontológica em Virgílio Ferreira”.

João Pedro Amorim é um artista visual e bolseiro de investigação no Centro de Criatividade Digital da Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa. No Colóquio Metalepse e Transmedialidade apresentou a conferência “You Talking To Me? Acerca da Possibilidade da Metalepse nas Artes Visuais.”