CHAMADA DE ARTIGOS / CALL FOR PAPERS: PRORROGAÇÃO DE PRAZO

Cadernos de Literatura Comparada #37

Tema: Interdisciplinaridade

Orgs: Maria Clara Paulino, Maria Hermínia Laurel, Maria Teresa Oliveira

We are not students of some subject matter, but students of problems. And problems may cut right across the borders of any subject matter or discipline
(Karl Popper, Conjectures and refutations: the growth of scientific knowledge, 1963).

J. T. Klein e W. H. Newell, em 1997, e a Academia Nacional das Ciências dos Estados Unidos, em 2004, definem interdisciplinaridade como um processo integrador no qual informação, dados, técnicas, instrumentos, perspectivas, conceitos e/ou teorias de duas ou mais disciplinas se combinam com o fim de contribuir para um entendimento mais profundo ou para a resolução de problemas cujas soluções ultrapassam o âmbito de uma disciplina isolada. Toda a investigação interdisciplinar resulta, nesta perspetiva, da integração e síntese de ideias e métodos, distinguindo-se assim da multidisciplinaridade. Acrescente-se que a integração, segundo Klein, é sempre negociada, situacional e contingente. A abordagem interdisciplinar maleabiliza fronteiras disciplinares, perturba e rompe os quadros de referência das disciplinas, estimula a troca de ideias entre os diversos domínios científicos e desenvolve comunidades híbridas de conhecimento onde resolução não é sinónimo de falso consenso; pelo contrário, as diferentes “lentes” com que cada disciplina vê o mundo são claramente definidas, possibilitando-se, assim, a negociação de conflitos e a construção de território comum.

O número 37 dos Cadernos de Literatura Comparada, editado por Maria Clara Paulino, Maria Hermínia Laurel e Teresa Oliveira, acolhe artigos que incidam sobre aspetos históricos e/ou teórico-críticos da interdisciplinaridade ou que reflitam sobre vertentes da prática interdisciplinar.

Os textos propostos poderão ser redigidos em língua portuguesa e inglesa, e devem ser acompanhados por um resumo em ambas as línguas. Todos os artigos aceites para publicação estarão sujeitos a um processo de blind peer review.

Prazo: 30 de junho 2017

Submissão: cadernos.peerreview@gmail.com

Mais informações: http://ilc-cadernos.com/index.php/cadernos/about/submissions#authorGuidelines

Seminários do Fim do Mundo | Série V

No dia 22 de junho (um dia depois do solstício de verão), às 18h, na sala de reuniões (piso 2), decorrerá mais um seminário do fim do mundo, com a presença de Ana Luísa Amaral, Diogo Martins e João Pedro Costa. A entrada é livre.

Chamada de Artigos: eLyra #10

eLyra: Revista da Rede Internacional Lyracompoetics

Poesia e Tradução #10 (2017)
(org. Leonardo Gandolfi e Luciana di Leone)

CHAMADA DE ARTIGOS/ CALL FOR PAPERS

Associar os termos poesia e performance parece ser uma necessidade para a reflexão teórica sobre poesia e, em alguma medida, para os próprios poetas. Poemas escritos e que expõem o seu processo, poemas vocalizados, encenados, filmados, poemas que saem definitivamente do papel e povoam as produções contemporâneas. Com isso, uma questão se coloca: a associação entre poesia e performance fala a respeito de um contato entre práticas artísticas diferentes, chamando a atenção para os limites instáveis de cada uma dessas artes? Ou fala a respeito de uma condição inerente à própria poesia, condição performática que o grafocentrismo teria, em certa medida, recalcado? Jean-Luc Nancy, neste sentido, fala que “a poesia é mais do que e algo diferente da própria poesia”, perspectiva que localiza o poema em um lugar de encontro e atrito de linguagens. Já a performance é a prática artística que, entre outras coisas, coloca em tensão a própria ideia de arquivo, na medida em que se encontra entre acontecimento e registro. Sujeita a processos de historicização bem mais recentes, a reflexão sobre performance se faz no cruzamento de saberes diversos, tanto que Richard Schechner diz que “os estudos de performance começam onde o domínio máximo das disciplinas termina”. Pensando nesses lugares de instabilidade poética-teórica-crítica, convidamos investigadores a enviarem artigos sobre as relações entre poesia e performance em seus vários desdobramentos, entre eles, texto performático, poesia e corpo, poesia e as mídias que dão conta de seu acontecimento, poema vocalizado, poema enquanto performance.

 

Aceitam-se artigos até 4 de agosto de 2017 e devem ser enviados para lyracompoetics@letras.up.pt. Os artigos serão sujeitos a peer review.

 

Para mais informações e para a consulta das Normas Editoriais:
www.elyra.org/index.php/elyra/information/authors

Seminário Aberto “A Reading Event: the pictoral third”

 A conferencista Liliane Louvel (Univ. Poitiers) irá realizar um Seminário Aberto no dia 18 de maio, às 17h30, na sala do DEPER (Torre A, 3º piso).

Entrada livre.

 

“Uma incerta melodia” com Adriana Calcanhotto

No dia 3 de maio de 2017, Adriana Calcanhotto esteve na FLUP para realizar uma conferência sobre poesia e música.

Veja o video AQUI